segunda-feira, 19 de outubro de 2009

O Travesseiro


O meu travesseiro
Não me deixa dormir!
Eu olho pra ele
E começo a sorrir!

Lembrando do tempo
Em que era criança
Coração em um compasso
Cheio de esperança!

Muitas amizades
Brincadeiras mil!
Caderno cor-de-rosa
Leveza estudantil.

Eta tempo bom esse!
Em que se podia sonhar,
Planejar o futuro
E as sementes plantar!

Meu travesseiro me aconchega
E me leva sem demora
A estes tempos infantis
Guardados em minha memória.

Eta tempo bom esse!
Como é gostoso recordar.
Tempos de esperança,
Tempos para brincar!

Meu travesseiro me conforta
Por tempos que não voltam mais...
E em seu aconchego
Relembro minha infância em paz...
Karina Aldrighis

Um comentário:

  1. Obrigada, por ser minha seguidora.
    Gostei muito deste "cantinho"

    ResponderExcluir